Um pouco da minha história – “Conversa com SuKardosh”

29 08 2011

Nesta entrevista você pode conhecer um pouco da minha história como Coach de Saúde e como isso modificou positivamente a minha vida.

É uma prévia da Palestra – “A Saúde na Visão de um Coach” – que será realizada em setembro de 2011.

 

 

 

Anúncios




Água pura – Você bebe o suficiente?

16 08 2011

Você tem o hábito de beber água frequentemente?

Quantos dias cada semana você bebe pelo menos oito 8 copos de água?

No atropelo do dia-a-dia, beber água não se encontra no topo de nossa lista de tarefas diárias. Acontece que beber água é um hábito simples, barato e essencial para a manutenção de nossa saúde.

A água é o líquido mais puro, natural que você pode colocar em seu corpo. É livre de gordura, sem açúcar e livre de calorias também.

A água representa 60% do seu peso corporal e cada sistema em seu corpo depende dela.

Ingerir água de maneira adequada permite que cada célula do seu corpo funcione adequadamente.

Beber água não está nem entre as 5 principais prioridades diárias da vida da maioria das pessoas, mas talvez devesse estar!

Aqui estão algumas dicas simples para aumentar a ingestão de água:

1.       Comece devagar. Se você só beber dois copos de água por dia, não é realista dizer que você vai rapidamente começar a beber oito copos de água diariamente. Pense nessa recomendação como uma meta para alcançar, como você faria com qualquer objetivo em sua vida, dê pequenos passos para chegar até lá. Comece bebendo um ou dois copos a mais do que você costuma beber diariamente e persevere até você se acostumar a beber mais água. Isso também irá deixar o seu corpo ajustar-se uma boa hidratação e evitar a necessidade de usar o banheiro com freqüência ao longo do dia.

2.       Tenha sempre uma fonte de água por perto. A melhor lembrança para beber água será, provavelmente, a própria água. Se você tiver sempre uma alternativa de ter à mão uma água fresca para beber, você provavelmente ficará mais motivado e beber. Pense naqueles lugares que você costuma estar em sua rotina diária, seu trabalho, local de estudo, lazer, etc. Mantenha um copo de água na sua mesa de cabeceira para beber logo de manhã quando você acorda. Tenha no seu carro uma pequena garrafa de água, é por isso  que existe em todos os automóveis um suporte para copos. Encontrar um copo ou um cálice que te dê prazer em enchê-lo com água para mantê-lo em seu local de trabalho. Em cada refeição, tente beber um copo de água antes de começar a beber um refrigerante ou suco. Com o tempo você irá perceber que a gostar mais da água.

 3.       Preste atenção aos sinais de desidratação. Saiba quais os sintomas que podem indicar que você está desidratado para evitar problemas de saúde e permanecer motivado a continuar continuar seu programa de ingestão de água! O melhor indicador de desidratação é a cor da urina – se ela for clara, significa que você está bem hidratado. Amarelo escuro ou âmbar indica desidratação. Outros sinais de desidratação são: boca seca, sonolência, sede, dor de cabeça ou tontura.

É importante sempre manter-se hidratado, mas se torna especialmente importante no verão quando a água é freqüentemente perdida através do suor em temperaturas altas. Atente também para ingerir mais quando estiver praticando seu esporte preferido ou quando estiver na academia.

Como você se mantém hidratado? O que você pode fazer para melhorar a ingestão de água?

Marlus M. Marconcin – Coach de Saúde
All rights reserved ©





“As 7 Perguntas da Plenitude”

10 08 2011

Chamamos o processo de coaching como a “Arte de fazer perguntas”. Por que razão as perguntas são importantes? O que acontece quando existe o questionamento inteligente?

Gostaria que você analisasse junto comigo um aspecto importante no desenvolvimento do conhecimento humano. Hoje temos soluções para os principais desafios da vida. Você parou para pensar em como estas soluções surgiram? O que fez com que gênios da física, química, medicina realizassem suas descobertas?

Muito simples. Eles souberam, em primeiro lugar, fazer perguntas inteligentes e desafiadoras. Santos Dumont talvez se perguntou: “O que eu poderei fazer para voar como um pássaro?” Gran Bell pode ter se perguntado: “Gostaria de me comunicar de forma rápida e clara com alguém muito distante. Como isso pode se tornar realidade? Tomas Edson talvez se questionou: “Esta vela não ilumina o suficiente para eu ler à noite. Como eu poderia reproduzir a luz do dia, dentro de minha casa e poder ler confortavelmente à noite?”

Uma resposta inteligente e desafiadora sempre vem de uma pergunta inteligente e desafiadora. São as perguntas que transformam o mundo e o ser humano. Uma vida de superação é resultado das perguntas que motivaram esta superação.

Os maiores sábios da humanidade respondiam às perguntas de seus discípulos com outra pergunta. A história de Jesus está repleta de exemplos assim.

Nosso cérebro sempre irá responder de alguma maneira uma pergunta. Não importa se ele saiba ou não a resposta correta. Porém antes de concluir que a resposta não existe a mente vai sempre fazer a busca por ela. Funciona da seguinte maneira: Uma pergunta estimula o nosso pensamento, que por sua vez é um gatilho para uma emoção, a emoção produz uma ação e a ação promove um resultado.

Então um resultado, a solução de um desafio, sempre vem como resposta a uma pergunta.

Vou deixar com você uma sugestão interessante e eficaz para ajudar a resolver qualquer coisa em sua vida. Eu chamo de as “As 7 Perguntas da Plenitude”. Gosto do número 7, é o número que representa a plenitude. Por isso são somente 7 perguntas poderosas que trarão 7 respostas poderosas.

1. Qual é o real desafio que eu superar neste momento?

Esta pergunta é importante para você se localizar. Algumas vezes as pessoas nem sabem o que resolver e se perdem na busca de soluções. É muito importante definir em primeiro lugar onde você está.

2. Que resultado eu quero obter?

Após definir onde você está é bom que você estabeleça onde quer chegar. Um caminho, uma rota é estabelecida quando temos esses dois pontos bem claros.

3. O que eu irei ganhar quando resolver este desafio?

Busque sempre uma motivação positiva para chegar a um resultado. Isso irá estimular o seu empenho nas ações.

4. O que eu irei perder quando resolver este desafio?

É importante verificar os riscos, e se existem aspectos negativos envolvidos, quais serão os efeitos colaterais. Se identificados procure encontrar uma maneira de minimizar as perdas.

5. Quem esteve numa situação semelhante e o que ele fez?

Antes de quebrar a cabeça e perder tempo na busca de uma solução. Pesquise se já não existe algo pronto e eficiente. A grande maioria dos desafios ou já foram resolvidos ou uma parte da solução já está descoberta.

6. O que este problema me impede de alcançar, fazer ou conquistar?

Esta é uma pergunta muito interessante, ela expande os limites e minimiza o problema. Aqui você descobre o real motivo deste desafio existir em sua vida..

7. E agora, o que eu irei fazer efetivamente para conquistar meu objetivo?

Finalmente você tem condições de colocar nas suas mãos a responsabilidade para solucionar o desafio. A solução irá acontecer se você fizer algo para isso. Aqui você foca na ação.

Simples, não é? Vamos ver um exemplo?

Digamos que você está com dor no peito e falta de ar, é fumante e seu cardiologista diagnosticou um risco cardíaco e recomendou a você libertar-se deste hábito.

1. Qual é o real desafio que eu superar neste momento?

Posso desenvolver uma doença cardíaca e o tabagismo irá agravar ainda mais esta condição e colocar em risco a minha vida.

2. Que resultado eu quero obter?

Me libertar do cigarro e viver de maneira tranqüila e saudável.

3. O que eu irei ganhar quando resolver este desafio?

Disposição e energia para fazer exercícios, as pessoas irão gostar de ficar mais tempo comigo pois o cheiro do cigarro não estará presente, irei poder sentir o real sabor dos alimentos, irei dormir melhor.

4. O que eu irei perder quando resolver este desafio?

O cigarro me proporciona prazer, porém este prazer será substituído por outros prazeres e sensações que o cigarro me impede de alcançar.

5. Quem esteve numa situação semelhante e o que ele fez?

Tenho um amigo que conseguiu. Ele tomou a decisão de maneira firme e buscou ajuda profissional de um Coach de Saúde para dar apoio e orientação.

6. O que este problema me impede de alcançar, fazer ou conquistar?

O cigarro me impede de viver a vida de maneira plena. Se eu continuar este hábito irá me impedir de viver. *Obs: Então qual o real motivo para o desafio existir? Neste caso é viver. Nada é mais importante que a vida

7. E agora, o que eu irei fazer efetivamente para conquistar meu objetivo?

Primeiro irei jogar fora todas as carteiras de cigarro que possuo e irei marcar imediatamente uma sessão com um profissional para me ajudar.

Estas perguntas podem ajudá-lo a encontrar a solução e conquistar resultados em qualquer área da vida. Experimente.

Lembre sempre o seguinte:

“Se você ainda não alcançou o resultado que você deseja para sua vida é porque você ainda não fez a pergunta certa.”

Marlus M. Marconcin – Coach de Saúde
All rights reserved ©